top of page
  • Equipe de Redação

Solidariedade em ambientais hospitalares... Por que não?


voluntariado na área da saúde

Você já pensou em se inscrever para voluntariado em ações área da saúde? Essa prática, apesar de pouco divulgada, tem diversos participantes no país. Afinal, esse trabalho humanitário acrescenta muito na vida de quem precisa e na de quem se dispõe a fazê-lo. Essa atuação pode aliviar dores com sorrisos, atenção e carinho, gerando experiências sociais e solidárias a todos os envolvidos.


Não sou médico nem enfermeiro...Posso participar?

Além dos médicos, profissionais de diversas áreas podem engajar em ações de voluntariado em hospitais e contribuir para a humanização do atendimento na saúde. Atores, músicos, enfermeiros, advogados: basta ter disposição e reservar uma parte do seu tempo para dedicar ao próximo.


doutores da alegria
doutoresdaalegria.org.br

O voluntariado hospitalar está presente em programas de assistência hospitalar às pessoas internadas e seus acompanhantes. Dentre os recursos, os voluntários podem propor atividades lúdicas, culturais e educativas que ajudam essas pessoas a se desligarem um pouco das preocupações com a situação pela qual estão passando e interagirem com pessoas e assuntos diferentes.


Essas intervenções podem ser feitas em diversos setores hospitalares, como oncologia, atendimentos especiais, primeiros socorros, pediatria e outros. Também é possível ter contato com públicos de idades variadas.


Em muitos hospitais, é possível participar de diferentes áreas de atuação como: animadores e palhaços, apoio à brinquedoteca, apoio especializado (para aqueles que possuem certificação), contador de história, cuidados com a beleza e higiene, eventos, ações e campanhas, interação musical, oficinas, “posso ajudar” e visita religiosa. Não é necessário ser profissional da saúde ou estudante da área para participar de ações voluntárias em hospitais. Tenha em mente o seu talento e invista em uma ação que combine com você.


Entenda como participar


Para começar colocar a mão na massa, é importante saber que o trabalho em hospitais é oferecido apenas para maiores de 18 anos. Com esse pré-requisito atendido, podemos seguir alguns passos:

  • Pesquisar os lugares próximos à sua localidade que estão abertos para esse tipo de programa;

  • Listar dos hospitais que chamaram a sua atenção e que tem valores e motivações parecidos com os seus;

  • Entrar em contato com eles para saber quais são os requisitos para se voluntariar, horários disponíveis e outras informações importantes.

Tenha em mente que ter a oportunidade de tornar o dia de uma ou mais pessoas mais feliz e confortável, mesmo em um momento difícil, é o maior dos benefícios de participar de programas de voluntariado em hospitais. Assim, é papel do voluntario promover, ao paciente e às pessoas a ele relacionados, incentivo por meio das histórias, dinâmicas, ou apenas sendo um bom ouvinte.


O propósito é fortalecer o paciente e, com o apoio dos acompanhantes, aumentar a adesão ao tratamento.


Parcerias são bem-vindas!


As parcerias com a sociedade civil e ONGs, que visam o bem do paciente, são sempre bem-vindas e ajudam no resgate da autoestima, no ensino de uma atividade e no relacionamento humano.

Conheça algumas iniciativas que atuam em ambientes hospitalares nas mais diversas frentes:

  • Voluntário Médico Good News: em como objetivo principal oferecer tratamento médico e educação básica em saúde à população carente e às vítimas de desastres naturais. Entre as principais ações desenvolvidas pelo GNMV destacam-se o fornecimento de suprimentos médicos e a promoção da educação sanitária. Também realizam o estabelecimento de hospitais locais e escolas médicas para que essas comunidades possam atuar de maneira autônoma e, no futuro, contribuir para o acesso à saúde em outras partes do mundo.

  • Doutores da Alegria: o programa de voluntariado em hospitais usa a arte do palhaço para melhorar a qualidade de vida e bem-estar dos pacientes em situação de vulnerabilidade em instituições públicas. O grupo conta com um projeto de plateias hospitalares e intervenções realizadas com crianças, adolescentes e adultos.

  • Hospital Samaritano de São Paulo: atuam na promoção da qualidade de vida, dos pacientes atuando em ações como: acolhimento, música, brinquedoteca, hemorrecreação, bate-papo, leitura, artesanato, medicina diagnóstica, operação palhaço e orientação religiosa à comunidade judaica.

  • Voluntários do Sertão: o programa de voluntariado em hospitais tem como objetivo levar atendimento de qualidade às regiões carentes da Bahia. Caminhões, aviões e vans viajam pelo país para realizar uma verdadeira maratona de atendimentos. A ação é itinerante e acontece anualmente. Durante uma semana, são realizadas cirurgias de pequena e média complexidade, consultas médicas e odontológicas, exames e entrega de medicamentos. Tudo isso é feito por uma equipe voluntária multidisciplinar composta por médicos, enfermeiros e psicólogos.

Agora é com você!

Compreender que todas as pessoas merecem respeito, dignidade, empatia e amor é o melhor ponto de partida para ações voluntárias. Por isso, especialistas são sempre bem-vindos, mas não são os únicos a proporcionar acolhimento e atenção a pessoas em situação de vulnerabilidade em saúde. Se você possui habilidades e tem interesse por essa área, capacite-se, busque parcerias e promova o bem em ambientes hospitalares.

bottom of page